Trem de Carga Trens Urbanos

As 14 ferrovias mais incríveis do mundo

1 – Ferrovia de Maeklong, Tailândia

Uma ferrovia que passa no meio de uma feira? Várias vezes por dia os feirantes do mercado de alimentos em Maeklong, na Tailândia devem correr para desmontar suas barracas para deixar os trens passarem.

2 – O Trem Das Nuvens, Argentina

O Trem das Nuvens é um serviço de comboio turístico na província de Salta, Argentina. O serviço é executado ao longo da parte oriental da linha que liga o noroeste argentino com a fronteira com o Chile na Cordilheira dos Andes. Com mais de 4.220 metros acima do nível do mar, é a terceira maior ferrovia do mundo.

3 – O Túnel do Amor, Ucrânia

O “Túnel do Amor” é um belíssimo local situado em Klevan, na Ucrânia. O trem funciona três vezes por dia e proporciona madeira para uma fábrica local, no entanto, as árvores formam um espetacular corredor verde que atrai muitos casais e fotógrafos.

Acredita-se na lenda que o casal que passar pelo túnel e fizer um desejo, terá o seu pedido prontamente atendido.

4 – Ferrovia Transiberiana, Rússia

A Ferrovia Transiberiana é uma rede de ferrovias ligando Moscou com o Extremo Oriente russo e do Mar do Japão . É a linha ferroviária mais longa do mundo com incríveis 9.289 quilômetros de extensão. Sua construção começou em 1891, e jamais terminou, já que o governo russo trabalha até hoje em sua expansão.

5 – O Viaduto de Pedra de Landwasser, Suiça

Um dos maiores orgulhos da Suiça, o viaduto de pedra de Landwasser construído em 1902 é um dos cartões postais mais famosos do país. Os engenheiros suíços dos séculos XIX e XX tiveram que ser extremamente inovadores, criativos e corajosos para vencer os desafio de construir um sistema ferroviário nos alpes mais famosos do mundo.

6 – The Loop Railroad

Conhecida como “The Loop Railroad”, a ferrovia de Georgetown foi uma das primeiras atrações turísticas do Colorado. Concluído em 1884, este trecho espetacular foi considerada uma maravilha da engenharia de seu tempo.

A ponte foi construída para conectar as prósperas cidades mineiras da região, separadas por um íngreme desfiladeiro da montanha.

7 – A Ferrovia da Morte, Tailândia

A estrada de ferro Birmânia, também conhecida como a” Ferrovia da Morte”, possui 415 quilômetros e conecta a cidade de Bangkok, Tailândia e com a cidade de Rangum, na Birmânia. Mais de 90 mil trabalhadores e 16 mil prisioneiros de guerra aliados morreram durante a construção da ferrovia, um episódio horrível que deu origem ao clássico filme A Ponte do Rio Kwai.

8 – Vietnã: The Reunification Express

A linha Reunification Express, também conhecida como Ferrovia Norte-Sul, é uma das ferrovias mais amadas do Sudeste Asiático. Quase 2 mil quilômetros de viagem separam a cidade de Ho Chi Minh, no sul, até Hanói, no norte.

9 – Estados Unidos: The California Zephyr

Esta viagem clássica no trem California Zephyr da Amtrak percorre quase 4.000 km passando por desertos, montanhas rochosas e serra nevada, no caminho de Chicago a São Francisco. O cenário é magnífico por toda parte, especialmente quando visto pelas janelas do chão ao teto do vagão lounge.

10 – Peru: Perurail’s Lake Titicaca

Atravessando o Altiplano, das margens do Lago Titicaca até o coração pulsante da capital inca, a ferrovia de Puno a Cusco faz um caminho através dos picos cobertos de neve e vales voluptuosos dos Andes. Entre bebidas no bar e restaurante com entretenimento e boa comida, os passageiros a bordo do trem Perurail’s Lake Titicaca podem contemplar a vista de um vagão mirante ao ar livre, enquanto vagam pelas épicas planícies peruanas, passando por fazendas e viajando por cidades e vilarejos distantes.

11 – China: The Beijing to Lhasa Express

Ligando a arquitetura futurista e as maravilhas imperiais de Pequim aos mosteiros e palácios de Lassa, o trem Z21 transporta seus passageiros para um povoado distante. Enquanto se dirige para oeste, o trem sobe cerca de 5.000 pés em sua jornada para o telhado do mundo, passando por montanhas cobertas de neve e um céu azul sem limites. A bordo, os passageiros bebem, comem macarrão e jogam cartas com seus companheiros de beliche.

12 – Noruega: Bergen Line

Em pouco mais de seis horas e 490 km de viagem, a viagem neste trem abrange o espectro do esplendor natural da Noruega: escalar desfiladeiros passando por rios, montanhas e paisagens áridas. Todos a bordo do Bergen Line, uma linha principal da natureza norueguesa.

13 – Nova Zelândia: The TranzAlpine

Em menos de cinco horas, a jornada reconhecida como uma das melhores e mais pitorescas viagens de trem de um dia do mundo abrange micro climas muito distintos na Ilha Sul da Nova Zelândia. Comece a experiência TranzAlpine em Christchurch, antes de acelerar pelas planícies de Canterbury e subir pelas montanhas cobertas de neve dos Alpes do Sul. Depois de percorrer algumas das paisagens alpinas mais remotas do país, desça por um emocionante túnel para emergir entre lagos, córregos e florestas tropicais da costa oeste da ilha sul. A partir daí, mais paisagens costeiras e alpinas estão disponíveis.

14 – Tanzânia e Zâmbia: Tazara Railway

A jornada dura 46 horas ao longo da rota de 1.860 km da cidade portuária da Tanzânia até Kapiri, na Zâmbia – mas muitas vezes acaba demorando mais tempo. Para muitos, o destaque não é o cenário nem a vida selvagem; é a chance de passar dois dias assistindo a vida cotidiana destes moradores pela janela do vagão e curtindo o clamor quando o trem para.

Fontes: Melhores Destinos e Macaco Velho

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios