CPTM

Baldy fala em “tomar atitudes drásticas” por obras paralisadas na estação Varginha

As obras da estação Varginha, na extensão que está sendo construída da Linha 9-Esmeralda da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos – CPTM, voltaram a ser paralisadas, de acordo com uma publicação do site Metrô/CPTM.

O prolongamento da ferrovia a partir de Grajaú, ou volta do atendimento ferroviário, com 4,5 quilômetros já completou 11 anos entre promessa de retomada e processo construtivo. A estimativa é de que mais 110 mil passageiros passem a utilizar o serviço diariamente.

Mas em uma resposta no Instagram, o secretário dos transportes metropolitanos, Alexandre Baldy, falou em “tomar atitudes drásticas”, sobre a paralisação dos serviços.

“Desde que estava Ministro de Estado das Cidades, me dediquei para retomar esta e outras milhares de obras pelo Brasil, pois obra paralisada representa perda de dinheiro público, além de não entregar o bem-estar ao cidadão, que tanto necessita. E na Estação Varginha não foi diferente, retomei essa obra enquanto Ministro e me dedico diariamente para sua conclusão. Apesar das dificuldades, não hesitaremos em tomar atitudes drásticas assim como foi feito na Linha 17-Ouro”, diz o Baldy.

No caso da Linha 17, houve rescisão de contrato no passado com uma empresa que não estava dando conta do recado.

Foto: Divulgação GESP

“Não está como gostaríamos”

Não é a primeira vez em que o titular da pasta mostra descontentamento em relação ao processo de construção do futuro terminal do atendimento ferroviário que vem de Osasco e corre pela Marginal Pinheiros.

Durante visita às obras das estações Mendes-Vila Natal e Varginha, em outubro do ano passado, o secretário disse que o ritmo das construções na segunda parada não está como gostaríamos.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

1 comentário

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  • Uma piada e muito cinismo vindos do cara que foi preso numa operação da Polícia Federal, e solto pelo Gilmar Mendes.
    Talvez para os secretários que andam com seus carros particulares e salários fartos, tais obras não sejam prioridades, porém a população sofre diariamente com a falta de transporte público e mobilidade digna.
    Drástico mesmo seria ver uma obra pública ficar pronta dentro do prazo e orçamento previsto, algo que em 30 anos o PSDB nunca conseguiu fazer. É muita bravata e poucas ações práticas, e pior, pouca vergonha na cara.

Publicidade

Anúncios