Foto: Ecopistas
CPTM Metrô SP

Balanço 2020 condiciona aumento no uso da Linha 13 da CPTM com People Mover

O secretário dos transportes metropolitanos, Alexandre Baldy, em suas redes sociais, postou um vídeo que faz um balanço em 2020 das operações das quatro empresas vinculadas a pasta: O Metrô, a CPTM, a EMTU e a Estrada de Ferro Campos do Jordão:

Sobre o Metrô, o vídeo mostra a retomada das obras nas Linhas 2-Verde e 6-Laranja, e evolução nas construções do monotrilho da 15-Prata, inclusive com o andamento dos trabalhos em Jardim Colonial, e a viabilidade do eixo de transporte até Ipiranga, mesmo que as construções na conexão com a Linha 10 da CPTM ainda não tenha de fato sido contratada. Menciona ainda as inaugurações previstas em Vila Sônia, na Linha 4-Amarela, neste ano, e a pasta reafirma a previsão para 2022 do monotrilho da Linha 17-Ouro.

CPTM

Sobre a CPTM, o vídeo mostra as obras nas novas estações da Linha 9-Esmeralda, as concessões das linhas 8-Diamante, 9-Esmeralda, e a Linha 7-Rubi com o Trem Intercidades. Releva também que o aumento no uso da Linha 13-Jade está condicionado a instalação do People Mover por parte da concessionária Gru Airport.

Falando no meio de transporte que promete ligar a estação da CPTM com os três terminais de embarque do Aeroporto de Guarulhos, no lugar do atual serviço de ônibus, a menos de 60 dias para acabar o ano de 2020, o projeto estava sem prazo para sua concretização, conforme fala de Doria durante a entrega do segundo trem da série 2500.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

comentários

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  • Não será a simples troca dos atuais ônibus circulares por VLT, Aero móvel, Monotrilho ou People Mover ou quaisquer outros que irá aumentar esta baixa demanda, e sim sua a extensão do trecho pós estação Aeroporto Guarulhos ainda nesta década com quatro estações após seguindo até Bonsucesso onde iria aguardar a chegada da Linha 2-Verde em que seria construído um pátio e um terminal de manutenção, afinal este é o 2º maior município do Brasil com mais de um milhão de habitantes e não tem Trem Metropolitano e nem Metrô, e esta linha 13-Jade está com uma demanda ociosa de 16 mil contra uma capacidade de mais de 120 mil, ao invés de se lançar novas linhas que só seriam viáveis após a década de trinta!

    Uma vez que existe este bloqueio contratual por conta de um contrato de concessão mal elaborado, para a extensão da linha 13-Jade para os terminais da GRU Airport que comprovadamente seria tecnicamente a solução correta a exemplo que já ocorre no Terminal Tietê da Linha-1, entendo ser a melhor alternativa se manter os atuais ônibus circulares, uma vez que com as alternativas propostas se ira manter as mesmas baldeações desnecessárias, uma das clausulas de negociação para renovação do contrato seria a eliminação deste inconveniente e desconfortável transbordo desnecessário com a linha Linha-13 Jade chegando até os terminais.

    • Quem garante que com o tempo este transporte feito por ônibus, que já não é muito bom, fique mais precarizado fazendo com que apareçam vans e táxis que façam este translado a preços abusivos desistimulando o uso do trem para chegar ao aeroporto? Será se acontecer algum imprevisto durante o translado a GRU se responsabilizará?

Publicidade

Anúncios