Foto: Renato Lobo | Via Trolebus
CPTM Metrô SP

Baldy diz que não haverá atrasos em obras, apesar de corte de R$ 1,5 bilhões nos transportes

A Comissão de Finanças, Orçamento e Planejamento da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo – Alesp aprovou na semana passada a proposta orçamentária para 2021, apresentada pelo governador João Doria, de acordo com publicação do Diário do Transporte. Haverá um corte em cerca de R$ 1,5 bilhões na secretária dos transportes metropolitanos.

Mas, segundo o titular da pasta, Alexandre Baldy, em entrevista a sites especializados de transportes, entre eles o Via Trolebus, os projetos de expansão da malha metroferroviária não devem sofrer atrasos por conta das reduções. A conversa foi durante a entrega de dois trens da série 2500 para a Linha 13-Jade.

“Nós temos a garantia da priorização do plano de 2021 e 2022 do governo do estado de São Paulo sobre os projetos que serão tocados durante os próximos dois anos. Nós fechamos um planejamento com o biênio final do governo Doria, para que todas as obras que estão sendo iniciadas, as que estão sendo concretizadas, tenha um orçamento necessário e tenham os recursos financeiros suficientes para que não possa haver nenhum impedimento para continuidade ou conclusão”, diz Baldy.

A maior obra que será tocada pela governo do estado é o prolongamento da Linha 2-Verde do Metrô, da Vila Prudente até a Penha. Os canteiros de construção estão sendo preparados e as perfurações devem iniciar em breve.

O Estado também toca a conclusão da estação Vila Sônia, na Linha 4-Amarela, além de um prolongamento de um túnel metroviário rumo a Taboão da Serra, a conclusão da estação Jardim Colonial no monotrilho da Linha 15-Prata, e a extensão da Linha 9-Esmeralda, de Grajaú até Varginha.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios