Supervia

Venda de passagens irregulares aumentou 250% na SuperVia

O comércio irregular de passagens nos trens do Rio de Janeiro vem crescendo nos últimos meses, e de acordo com levantamento da SuperVia, a atuação dos criminosos teve um aumento de 250%. A pesquisa comparou os seis primeiros meses de 2020, com julho e agosto. As informações são do G1.

Nos dois últimos meses foram 95 mil viagens com passagens irregulares. De janeiro a junho desse ano, foram 38 mil viagens com bilhetes fraudados.

O ramal Santa Cruz é a linha com mais problemas deste tipo. Das 16 paradas desse ramal, 13 são alvos de criminosos que, ou adulteram validadores ou vendem passagens por preço menor. O prejuízo é de R$ 200 mil a cada 30 dias. A SuperVia diz ainda que aciona as autoridades policiais e registra os casos nas delegacias.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios