Monotrilho

Em relatório do governo estadual, monotrilho da linha 18-bronze é declarado extinto

Um relatório de Riscos e Situações Fiscais do governo do Estado de São Paulo, enviado à Alesp – Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, aponta que o contrato de Parceira Público Privada – PPP com a concessionária Vem ABC foi considerado extinto, de acordo com publicação no Diário Oficial. A informação é do Diário do Transporte.

O contrato assinado em 2014 previa a construção da Linha 18-Bronze por meio de um monotrilho, que ligaria a estação Tamanduateí até São Bernardo do Campo, passando por São Caetano do Sul e Santo André. A publicação da conta de que o governo estadual considera não haver mais condições necessárias para a continuidade do contrato.

A linha 18 foi considerada extinta em 2019, sob a alegação de que um corredor de ônibus do tipo BRT (Bus Rapid Transit) daria conta da demanda, por um custo menor. Há a expectativa de que o eixo de transporte carregue por dia até 340 mil passageiros.

O presidente da Vem ABC, Maciel Paiva, em uma entrevista no site Metrô/CPTM, contesta a informação e afirma que o monotrilho teria potencial de transportar um volume maior de passageiros.

“Quando o governo do estado lançou esse projeto fez um estudo amplo que está no edital e tem mais de 90 páginas. Ele envolveu quase todos os órgãos ligados à mobilidade urbana de São Paulo, EMTU, CPTM, o Metrô, entre outros. Chegou-se à conclusão de que a demanda inicial seria algo em torno de 320 mil passageiros ao dia e que ela se ampliaria ao longo dos 25 anos de concessão. O que nós fizemos antes do leilão de concessão? Contratamos uma empresa especializada para checar esses números e ela fez um estudo que indicou que a demanda seria algo em torno de 20% a mais do que o previsto pelo governo. Com isso, chegaríamos ao final da concessão com algo cerca de 480 mil passageiros transportados por dia.” –  disse Maciel ao site.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

comentários

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios