Trem de Carga

Argentina aumenta em 27% o transporte ferroviário por carga

O sistema de trens de carga da Argentina registrou um aumento de 27% nos volumes de transporte ferroviário durante os primeiros seis meses deste ano, em comparação com o mesmo período de 2019.

O aumento equivale ao transporte de cerca de 2,8 milhões de toneladas de carga em sua rede de 15.300 km. Inclui 470.000 toneladas de cereais, como milho e trigo transportados apenas em junho, além de aumentos no volume de açúcar e carvão.

O aumento do tráfego é uma resposta a investimentos feitos pelo governo federal em revitalizar a malha cargueira, com a introdução de novos serviços, incluindo a retomada do transporte de gesso na província de Mendoza, pela primeira vez em 17 anos.

A rede havia sofrido negligência em seus serviços desde a década de 1990, chegando a encolher cerca de 60% e o que restou operava com metade da velocidade permitida, pelas péssimas condições da via permanente.

Apesar do exito, o frete ferroviário argentino representa apenas 5% do total da remessa, comparado com 95% transportado por estrada.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios