Mobilidade Urbana

Ao vivo: Alexandre Baldy e Sérgio Avelleda falam ao Via Trolebus e ao Diário do Transporte

Já estamos no ar!

 

O Diário do Transporte e o Via Trolebus promovem uma transmissão ao vivo com Alexandre Baldy, que foi deputado federal por Goiás, Secretário de Indústria e Comércio de Goiás, Ministro das Cidades do Brasil,e atual Secretário dos transportes metropolitanos do Estado de São Paulo.

Também participa da conversa o Diretor de Mobilidade Urbana do WRI Ross Center for Sustainable Cities, Sérgio Avelleda, que foi Secretário de Mobilidade e Transportes na cidade de São Paulo, e presidente do Metrô e da CPTM.

O tema da conversa é os desafios da mobilidade urbana frente à pandemia do novo coronavírus.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

comentários

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  • Boa noite Renato e boa noite pessoal.

    Eu assisti praticamente toda live, e posso dizer que em relação ao tema pandemia houve sim uma boa discussão. Mas não posso deixar de deixar minha crítica aqui, não há você Renato, pois acho que lhe impuseram algumas restrições durante essa Live, aliás percebi que você era o único que estava lendo nossos comentários.

    Pois bem, vamos lá, esperava que em algum momento da transmissão várias dúvidas nossas poderiam ter sido sanadas, mas isso não ocorreu, creio que só foram 3 ou 4 perguntas redirecionadas a ele.
    Mas o que me deixou mais indignado, foi a mentira do Sr.Alexandre Baldy em relação ao BRT do ABC, o mesmo disse que o governador havia se comprometido com a implantação do mesmo, e o faria…mas lembramos bem que durante a campanha eleitoral o prometido foi a Linha 18 sendo implantada lá, isto esta gravado, não tem como negar. João Doria disse isso em 2018.

    Vendo ele falar me senti como um “idiota” que deveria engolir aquilo como se fosse uma criancinha de 3 anos, e encarasse como uma verdade, não houve em nenhum momento um questionamento sobre isso, tívemos que ouvir a mentira e ficar quietos.

    Enfim,mas uma vez deixo claro que continuo o admirando pelo trabalho,continuarei vindo aqui até o site ver notícias e continuar vendo vídeos no Youtube, mas de fato eu fiquei bem chateado com a situação, se possível repassar essa mensagem ao Sr secretário eu agradeço. Abraços.

Publicidade

Anúncios