Foto: Renato Lobo - Via Trolebus
CPTM Metrô SP

Secretário prevê deficit de R$ 1 bilhão para Metrô e CPTM ainda em 2020

Com queda no número de passageiros, fruto do isolamento social motivado pela pandemia da novo coronavírus, as operadoras de transporte coletivo estão defronte a uma crise financeira.

Diversas cidades do Brasil tem enfrentado greve de ônibus, após os colaboradores ficarem sem salários, por conta na queda da arrecadação. No sistema sobre trilhos da região metropolitana de São Paulo, o cenário não é diferente.

Segundo projeções dadas pelo secretário dos transportes metropolitanos, Alexandre Baldy, em um Webinar intitulado “Os impactos atuais e futuros da COVID-19 na mobilidade urbana das cidades brasileiras”, a expectativa é que o Metrô de São Paulo e a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos – CPTM tenham perdas de R$ 1 bilhão ainda em 2020.

De acordo com o titular da pasta, há redução em torno de 75% nos meios de transportes.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios