Foto: Benjámin Zelki
Metrô SP

Metrô de São Paulo passa a limpar trens durante a operação

O estado de São Paulo tem até agora, nesta sexta-feira, 20 de março de 2020, 286 casos confirmados do novo coronavírus, de acordo com boletim divulgado pela Secretaria da Saúde de SP nesta quinta. São cinco mortes confirmadas pela doença na capital paulista.

Ainda pela quinta surgiu a primeira informação que um funcionário do Metrô teve teste positivo para a COVID 19.

Para tentar frear a propagação do vírus, o Metrô de São Paulo passou a limpar os trens durante a operação, inclusive com os passageiros embarcados.

A informação é do presidente da Companhia, Silvani Alves Pereira, em sua rede social. “Hoje iniciamos a desinfecção dos vagões durante a operação. Nossas equipes entram algumas estações antes da terminal e limpam tudo com álcool e produtos, sem cheiro, mas que tem uma durabilidade de duas horas. Meu muito obrigado aos funcionários envolvidos nessa importante ação. É o Metrô preocupado com a sua saúde”, diz Silvani:

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

1 comentário

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  • O mesmo na Linha 5-Lilás, os trens estão parados na plataforma 1 de Capão Redondo, em seguida são liberados pra operação, a cada 30 minutos sai um trem limpo.

Publicidade

Anúncios