Foto: Renato Lobo | Via Trolebus
CPTM

Funcionários administrativos da CPTM estão ajudando a manter as estações abertas

Colaboradores das áreas administrativas da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos – CPTM, deixaram os escritórios e de forma voluntária foram a campo ajudar a manter o sistema com 270 km de trilhos e 94 estações.

A decisão do governo estadual é manter as sete linhas em operação, para ajudar no transporte de profissionais de serviços essenciais. A CPTM teve redução no volume de passageiros na ordem de 35%. Cerca de 12% do quadro está afastado, parte que está no grupo de risco e parte por questões médicas.

“A presença de nós, da administração da empresa, além de auxiliar na tarefas da estação, traz conforto a todos os colaboradores, e integra cada vez mais nossas equipe” – diz o presidente da CPTM, Pedro Moro.

Maicon Sátiro – gerente de Estratégia
Eduardo Tavares – Gerente de Projetos
Sara Fernandes – Assessora executiva

“Fique em casa por nós”

A Companhia ainda tem publicado nas redes sociais, fotos com os colaboradores segurando papéis em uma sequencia que forma a frase: “Nós estamos aqui por vocês. Fique em casa por nós”.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios