Foto: Renato Lobo
CPTM

Secretário descarta Linha 10-Turquesa da CPTM na Luz ou Barra Funda

A volta do atendimento regular da Linha 10-Turquesa, da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos – CPTM, não deve ocorrer tão depressa. O serviço das composições que atendem o ABC Paulista chegou a ser cogitado em uma reportagem do jornal Diário do Grande ABC, repercutido aqui no Via Trolebus.

Mas, de acordo com uma reposta em uma rede social, do secretário dos transportes metropolitanos, Alexandre Baldy, não há projetos de levar de volta o atendimento parador da Linha 10 até a Luz e tão pouco até Palmeiras Barra Funda, como ocorreu no passado:

Atendimento suprimido

O serviço entre a Luz e Rio Grande da Serra foi suprimido em 2011, e a Linha 10 passou a ter como estação inicial o Brás. Mas em 2013 o então secretários dos transportes metropolitanos, Jurandir Fernandes, chegou a dizer que os trens voltariam a operar em seu traçado original, desde que o projeto chamado Expresso ABC fosse implantado.

Foto: Ricardo Guimarães – Diário da CPTM

O Trem expresso de fato começou a operar, mas em uma modalidade diferente. Na década passada, o serviço expresso era previsto para ligar o centro até a região do ABC. Em 2016, a CPTM implantou o serviço aproveitando a via férrea central, mas somente entre as estações Prefeito Celso Daniel – Santo André e Tamanduateí, trecho com maior demanda.

Até Luz somente aos sábados

Companhia Paulista de Trens Metropolitanos – CPTM implantou em 2019, um semi-serviço expresso na Linha 10-Turquesa, entre Santo André e a Luz, que funciona aos sábados. O “Expresso Linha 10+”tem três partidas da Estação Prefeito Celso Daniel-Santo André, às 7h, 8h e 9h, com destino à Estação Luz. O trem faz paradas nas estações São Caetano, Tamanduateí e Brás. Já as partidas na Estação Luz ocorrem às 12h, 13h e 14h.

Um dia chegou na Barra Funda

Em 2001, a linha chegou a atender a Barra Funda. A extensão da chamada Linha D beneficiaria 10 mil usuários por dia, segundo comunicado do governo estadual na época, e permitiria um ganho de tempo de viagem de até 10 minutos gasto pelo passageiro, anteriormente, na transferência de linha na Estação da Luz.

Pouco tempo depois, a linha 10 voltou para a Luz.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios