Metrô SP

Doria diz que não vai mais usar recursos do tesouro para obras do Metrô

São Paulo não deve ter mais investimentos do Tesouro para a construção de novas linhas do Metrô, segundo declarações do governador do Estado, João Doria. As declarações foram dadas durante coletiva após os resultados do leilão do lote rodoviário PiPa, nesta quarta-feira, 8 de janeiro de 2020. “(Esses e outros investimentos) serão todos feitos por concessão”, disse Doria.

Os investimentos privados já era uma promessa de campanha do tucano. Algumas obras foram concluídas e serão retomadas com recursos públicos, como o caso da Linha 2-Verde até a Penha, onde os trabalhos devem recomeçar ainda neste primeiro semestre, de acordo com declarações do governador, e a finalização de estações do monotrilho da Linha 15-Prata até São Mateus. Também está na conta dos recursos do estado a finalização do monotrilho da Linha 17-Ouro.

Linha 19-Celeste e 20-Rosa

Os projetos ainda a serem definidos e que não possuem uma modelagem certa de investimentos são as linhas 19-Celeste, entre o Bosque Maia, em Guarulhos, e a estação Anhangabaú, no centro de São Paulo, além da 20-Rosa, entre a estação Prefeito Saladino, em Santo André e o bairro da Lapa em São Paulo.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

1 comentário

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  • sem investimento publico nao se faz uma rua sequer aqui no Brasil. o que dória fala, é uma falacia. no caso das rodovias, as concessionarias pegam algo pronto e depois administram com a cobrança de pedágios e outros serviços como guinchos. no caso do transporte sobre trilhos, mesmo que venha um aporte financeiro privado, só dinheiro da tarifa nao será o suficiente para bancar o retorno do investimento, e necessitará de contraprestaçao por parte do estado. e daí de onde vao tirar o dinheiro ? quem investe bilhoes em uma obra publica, nao vai se contentar em ganhar milhoes.

Publicidade

Assuntos

Anúncios