Foto: Renato Lobo | Via Trolebus
CPTM

CPTM deve contratar laudos de periculosidade após morte de funcionário eletrocutado

A Companhia Paulista de Trens Metropolitanos – CPTM deve contratar a elaboração de laudos relativos à periculosidade por energia, para as atividades de seus funcionários. Um aviso de licitação foi publicado no Diário Oficial do Estado nesta sexta-feira, 10 de janeiro de 2020.

A medida vem após um funcionário da empresa morrer eletrocutado. Robson Eduardo Gomes, de 36 anos, que fazia parte da equipe de manutenção, perdeu a vida após receber uma descarga elétrica. A ocorrência foi na madrugada da última quinta-feira, 2 de janeiro.

De acordo com uma testemunha, o técnico trabalhava em uma cabine de paralelismo, em um local próximo a Estação Julio Prestes, da Linha 8-Diamante, quando recebeu a descarga elétrica.

A CPTM em um comunicado diz estar realizando uma ampla investigação para apurar as circunstâncias do acidente.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios