Ônibus

Londres testa ônibus sob demanda por app que busca passageiro em até 10 minutos

A Transport for London – TfL, lançou um serviço de microônibus sob demanda no bairro de Ealing, no oeste de Londres. O sistema será testado por 12 meses.

O Slide Ealing é operado pela subsidiária da RATP Dev, London Sovereign, e pela subsidiária do Grupo Volkswagen, MOIA. Uma frota de 10 microônibus TGE MAN L4H3 operam no sistema e são acessíveis a pessoas com mobilidade reduzida.

A reserva é feita por meio de um aplicativo, e a TfL diz que o usuário embarcará dentro de 10 minutos. As tarifas são fixadas em £ 3,50 para o primeiro passageiro e em £ 2 para cada passageiro adicional, independentemente da duração da viagem, e a cada 10 viagens é grátis para o passageiro que reservar.

São Paulo tentou testar…

O Metraclass, da operadora Metra, que administra o sistema de corredor de ônibus São Mateus – Jabaquara e sua extensão até o Brooklin, sobre gerencia da Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos – EMTU, lançou um sistema seletivo que usava a plataforma tecnológica U Bus, por meio de aplicativo onde o passageiro poderia reservar um assento no coletivo.

Mas SMT – Secretaria de Mobilidade e Transportes indeferiu o pedido de operação assim como o pedido de abstenção da fiscalização. A prefeitura de São Paulo, por meio de comunicados à imprensa, chegou a classificar o serviço como “clandestino“.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios