Metrô

China comemora 70º aniversário da fundação da República Popular com seis novas linhas de Metrô

Para comemora o 70º aniversário da fundação da República Popular da China, no dia 1º de outubro, o país teve uma série de inaugurações de linhas metroviárias.

Uma delas é a primeira ligação sobre trilhos do novo metrô em Xuzhou, província de Jiangsu. A construção de 22 km a leste-oeste começou em fevereiro de 2014 e estima-se que tenha custado 16,3 bilhões de yuans (US $ 2,28 bilhões). Conta com 18 estações, da Estação Ferroviária Xuxhoudong até a estação terminal ocidental de Luwo.

A fabricante CRRC Nanjing forneceu uma frota de 23 trens de seis vagões, cada um com capacidade para 2146 passageiros. Já há planos para a linha 2 com 24,2 km de extensão e a Linha 3 com 18,3 km.

Já em Xi’an, na província de Shaanxi, a Linha Interurbana do Aeroporto de 29,3 km foi aberta aos passageiros. O eixo de transporte liga o aeroporto no noroeste da cidade, e segue para sudoeste até as estações Beilkezhan Beguangchan e Xi’an North, conectando com as linhas de metrô 2 e 4. O traçado conta com 10 estações.

Em Wuhan, uma extensão de 16 km da Linha 4 entre Huangjinkou para Bolin foi inaugurada em 25 de setembro. A Linha Caidan adiciona nove estações, incluindo sete subterrâneas, estendendo o comprimento total da Linha 4 para 48,6 km e 37 estações.

O sistema de Wuxi ganhou uma extensão de 5,2 km na Linha 1, que passa a ter 29,4 km entre Changguangxi e Nanfangquan, adicionando três estações.

Em Wenzhou uma extensão foi entregue com 19,1 km, que aumenta a primeira linha ferroviária suburbana. A extensão vai para a Avenida Shuang’ou e adiciona seis estações, incluindo uma no aeroporto da cidade.

E por fim, em Ningbo, uma extensão de 5,6 km foi adicionada na Linha 3.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

comentários

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  • Que inveja, hein! No Brasil nunca tivemos nada parecido e logo, logo, começam as promessas vazias do Fake Doria ou dos outros candidatos a Prefeito de SP e a Governador.

    Por que nossos governantes não conseguem fazer um planejamento a médio/longo-prazo, independente de que partido esteja no poder estadual? No caso de SP é mais grave, a mesma sigla está no comando do Estado desde 1994, ou seja há 25 anos, e o transporte sobre trilhos “evoluiu” muito abaixo do que poderia.

    Registro minha indignação, admirado com o exemplo chinês.

Publicidade

Assuntos

Anúncios

Cadastre-se em nossa newsletter!