Metrô SP

Linha 6-Laranja do Metrô: Novidades podem ocorrer nesta semana

No dia 13 de agosto, termina o prazo para que o governo estadual negocie com empresas para assumir as obras da Linha 6-Laranja do Metrô.

Segundo uma publicação do jornal “Folha de São Paulo“, três empresas estariam interessadas em assumir as construções do eixo de transporte que vai ligar a Brasilândia e a estação São Joaquim: uma americana, uma europeia, além da chinesa CR 20, pertencente a CRRC. Caso uma das empresas assumisse os trabalhos, o processo de construção seria retomado com maior rapidez.

No entanto, o processo de caducidade decretado, deve ser efetivado neste mês. Caso não tenha nenhuma negociação, o governo deverá relicitar as obras, o que pode postergar as voltas dos trabalhos.

Obras no ano que vem

O vice-governador do Estado, Rodrigo Garcia, em entrevista a rádio CBN ocorrida recentemente, disse que as obras da Linha 6-Laranja poderiam ser retomadas no segundo semestre de 2020.

Garcia disse que caso até o dia 13 de agosto não houver comprador, o estado deve relicitar a obra do eixo metroviário. “Se não tiver comprador, nós vamos esperar até o segundo semestre do ano que vem para retomar as obras”, afirmou o vice-governador.

As obras da nova ligação metroviária estão paradas desde 2016 e foram apenas 15% concluídas.

O consórcio Move São Paulo, que era responsável pela construção e seria pela operação, formado pelas empresas Odebrecht, Queiroz Galvão e UTC, teve parte de suas integrantes investigadas pela operação lava a jato. Então, não conseguiu financiamento para seguir com os trabalhos.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios

Cadastre-se em nossa newsletter!