EMTU

Secretaria estuda reformular corredor Diadema-Brooklin

O corredor Diadema- Brooklin poderá ser reformulado nos próximos meses ou anos. Segundo uma publicação do Diário Oficial do Estado deste sábado, 25 de maio, a Secretaria de Transportes Metropolitanos – STM iniciou estudos para reformulação do trecho com 12 quilômetros. Não há no entanto, prazos de conclusão e início das obras.

Atualmente, a via abriga linhas municipais, gerenciadas pela São Paulo Transporte – SPTrans, além das metropolitanas, geridas pela Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos – EMTU. O estudo pode ainda reorganizar linhas com o objetivo de deixar o atendimento mais eficiente, e ainda aumentar a capacidade do eixo de transporte.

O corredor, que foi projetado originalmente para opera com trólebus, e que seria exclusivo aos atendimentos metropolitanos, recebeu diversas ligações municipais. A faixa não possuí segregação e tão pouco pré-embarque nas paradas.

De acordo ainda com a publicação, os recursos para os estudos são do próprio governo do Estado.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios

Cadastre-se em nossa newsletter!