Monotrilho

Presidente do Metrô é convidado para falar na Assembleia Legislativa sobre mudanças na Linha 18

O presidente do Metrô, Silvani Alves Pereira, foi convidado pela Assembleia Legislativa a explicar o motivo da possível troca do monotrilho da Linha 18-Bronze por um corredor de ônibus do tipo BRT – Bus Rapid Transit. O convite foi feito pela comissão de assuntos metropolitanos e municipais.

O Vice-presidente da comissão, o deputado estadual Luiz Fernando Teixeira (PT), de São Bernardo, disse que o objetivo da audiência é saber detalhe técnicos da possível decisão.

A linha deve ligar São Paulo, na estação Tamanduateí, até São Bernardo do Campo, passando por São Caetano do Sul e Santo André.

O deputado cita o Jornal Diário do Grande ABC, que tem feito diariamente reportagens defendendo o meio de transporte.

“Estamos juntos com a campanha do Diário pelo Metrô. A cada dia está mais forte a movimentação pela troca do modal. O Grande ABC tem enorme fluxo de moradores que se dirige à Capital diariamente, não apenas para trabalhar, mas também para passar em consultas médicas, por exemplo. BRT não sustenta. O monotrilho é maior, carrega mais pessoas, não tem paradas em semáforos, algo que o BRT tem de conviver”, disse o petista.

No mês de julho, o governo estadual deve anunciar oficialmente sua decisão.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

comentários

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  • Tem que bater de frente com esses canalhas mesmo, ABC não merece tanta safadeza. A escolha pelo BRT deve envolver muita, mais muita sujeira mesmo.

  • BRT = ônibus, um dos símbolos do atraso de SP. Enquanto isso o Rio de Janeiro já estuda a expansão das linhas do VTL, símbolo de conforto e modernidade.

    • O Rio estuda ampliar o VLT? Rsrs. O que mais se comenta e não duvido que aconteça é suspender o funcionamento da malha atual. De Salvador como exemplo. Aí sim há planos concretos de expansão.

  • QUEREMOS RESPEITO
    QUEREMOS DIGNIDADE
    QUEREMOS RECONHECIMENTO PELO NOSSO TRABALHO E RECOLHIMENTO DE ANOS E ANOS DE UM PIB INVEJÁVEL AMERICANO
    QUEREMOS M E T R Ô

    MERECEMOS M E T R Ô

    METRÔ, METRÔ, METRÔ
    NADA MENOS QUE METRÔ
    NADA DE MONOTRILHO, NADA DE BRT
    MERECEMOS duas linhas de METRÔ, uma ligando SBCampo e outra sob, sobre e aos lados da linha da CPTM, (pode ser Av dos Estados) retomando a linha SANTOS JUNDIAÍ (via Paranapiacaba)
    MERECEMOS também dois liiiiiindos aeroportos, um de passageiros e outro de cargas

    GOVERNADOR PARE DE AMARRAR AS CIDADES DO GRANDE , GRANDE ABC

    DEIXE-NOS EVOLUIR

  • O MP-SP (Ministério Público de São Paulo) instaurou inquérito civil público para investigar o abandono de equipamentos comprados pela CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) pelo valor de 176 milhões de euros e que seriam utilizados para reduzir o intervalo entre trens que circulam na L…

    Dgabc /26/05/2019

Publicidade

Assuntos

Anúncios

Cadastre-se em nossa newsletter!