SPTrans bate recorde em 2018 de bilhete único cancelado ou apreendido

A São Paulo Transporte – SPTrans cancelou ou apreendeu mais de 878 mil cartões do bilhete único, entre os meses de janeiro a novembro de 2018, segundo reportagem da TV Globo.

A quantidade é maior que o cancelado ou apreendido, registrado durante o período total de 10 anos. De 2006 a 2015, 796,3 mil bilhetes haviam sido cancelados. O motivo é a fraude que se instalou no sistema nos últimos anos. Cartões são vendidos por R$ 100 na internet, com R$ 250 de crédito.

O secretário de Mobilidade e Transportes da Prefeitura de São Paulo, Edson Caram, afirmou que a secretaria deve lançar um novo programa para acabar com as fraudes.

“Pretendemos em um ano, no máximo um ano e meio, estar com um sistema novo, e já com este sistema, independente do que estiver de cartão na rua, fraude zero. Ele vai mudar exatamente toda a sistemática do que tem hoje, então você vai ter uma forma muito mais difícil de tetar fraudar um sistema que, praticamente, vai ser impenetrável.”, disse Caram.

 


Autor: Renato Lobo

Ler todos os posts

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.