Foto de Sergio Mazzi
Monotrilho

Candidatos ao Governo de SP descartam novas linhas de monotrilho

Foto: Sergio Mazzi

Os candidatos ao governo de São Paulo, melhores posicionados em pesquisas de intensão de voto, não pretendem construir novas linhas de monotrilho, de acordo com publicação da Veja.

Leia também: Obras do Monotrilho são mais rápidas que construções do Metrô?

João Doria, Marcio França, Paulo Skaf e Luiz Marinho afirmam que não devem construir novas linhas do modal, mas parte deles afirma que devem terminar as construções em andamento.

“A expansão do sistema de monotrilho não será prioridade no meu governo. Embora esse modelo tenha um custo construtivo mais baixo, ele transporta menos pessoas e, no fim das contas, o custo-benefício fica comprometido.”, afirmou João Doria.

Já Marcio França, diz que “o monotrilho interfere arquitetonicamente na cidade de forma mais agressiva”. Skaf reclamou da lentidão das obras do modelo. “Só aqui existe essa novela que nunca acaba”, afirma. O petista Luiz Marinho diz que um metrô deveria ter sido construído no lugar do monotrilho da Linha 15: “Na Zona Leste, em vez da Linha 15, entre Vila Prudente e São Mateus, deveria haver metrô.”

Nenhum deles comentou sobre o projeto da Linha 18-Bronze, que também prevê monotrilho, ou pelo menos não foi descrito na reportagem da Veja.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Publicidade

Anúncios