China passa a contar com 25 mil km de vias para trens de alta velocidade

Foi inaugurado em 23 de setembro, uma nova linha de trem de alta velocidade ligando Hong Kong com Guangzhou, com 26 km, conectando a região à extensa rede ferroviária chinesa de alta velocidade, que agora soma mais de 25.000 km.

O presidente da MTR Corp, Frederick Ma, disse que o trecho era um dos projetos de infra-estrutura mais importantes a serem concluídos em Hong Kong desde o fim do controle britânico em 1997. “Abrimos um novo capítulo para Hong Kong e geramos imensas oportunidades para os moradores. A MTR tem a honra de poder participar deste grande projeto e fazer história ”, disse durante a cerimônia de entrega da linha.

Durante a fase inicial de operação, os serviços conectarão Hong Kong West Kowloon a 44 destinos, incluindo seis estações de curta distância sendo Futian, Shenzhen Bei, Guangmingcheng, Humen, Qingsheng e Guangzhou Nan na rota Guangzhou – Shenzhen – Hong Kong.

Os 38 “destinos de médio a longo curso” acessados ​​pela rede de alta velocidade chinesa incluem Beijing, Xangai, Kunming, Guilin, Guiyang, Shijiazhuang, Zhengzhou, Wuhan, Changsha, Hangzhou, Nanchang, Fuzhou, Xiamen e Shanto.


Autor: Renato Lobo

Ler todos os posts

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.