Ônibus

Cresce o número de ônibus multados no Rio por problemas operacionais

Um levantamento feito pelo jornal Extra aponta aumento no número de autuações no sistema de ônibus do Rio de Janeiro. De acordo com os dados, só este ano, já foram aplicadas 8.079 multas — 37 por dia —, contra 9.402 nos 12 meses de 2017 e 8.774, em 2016. Os motivos das autuações estão ligadas à operação das linhas e ao estado de conservação dos veículos.

As punições vão desde a falta de vistoria, seguida de desobediência à frota determinada. Já a terceira maior causa de multas é o descumprimento de ordens, obrigações e intimações feitas pela prefeitura. Os consórcios ainda são multados por mau estado de conservação de bancos e por problemas de funcionamento do ar-condicionado. O consórcio Santa Cruz, que opera na Zona Oeste, é o campeão de multas (6.120). Já o BRT soma 3.038.

A Secretaria municipal de Transportes informou em um comunicado ao jornal que das 3.474 multas de janeiro a julho deste ano, 134 foram pagas. As outras se encontram em recurso ou em aberto no prazo. Afirmou ainda que mantém fiscalização e, em caso de irregularidades, autua os consórcios.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios