Trens Regionais

Trens das Nuvens na Argentina: 4.200 metros sobre o nível do mar

São Paulo – 00h03

É possível viajar de trem entre belas paisagens na América do Sul: estamos falando do Tren a las Nubes, ferrovia que opera para turistas em terras de nossos “hermanos” argentinos

O trajeto cruza pontes e viadutos a mais de 4,2 mil metros acima do nível do mar, sobre a imponente Cordilheira dos Andes. A empresa responsável pelo serviço mantem dois serviços:

O primeiro, que inclui trajetos de ônibus e trem, tem saída da cidade de Salta, cruzando Campo Quijano, Gobernador Solá e El Alfarcito, onde os aventureiros são recebidos com um café da manhã rural. Depois a viagem segue até San Antonio de los Cobres, onde é feito o embarque no trem, até o clássico Viaducto la Polvorilla. Esse último trajeto tem duração de uma hora.

2rd_divulgação

Uma outra opção é disponibilizada apenas de trem, entre Estación de Trenes de San Antonio de los Cobres até o Viaducto la Polvorilla, a 4.200 metros sobre o nível do mar.

1rd_trem-das-nuvens-by_Nicolás-Mendoza

Historia

A ferrovia foi idealizada para conectar Salta e o Chile, através da cordilheira dos Andes, com o objetivo de transportar minerais da chilena Antofagasta. A obra começou a ser construída em 1921, mas só seria concluída em 1948, unindo as vias chilenas e argentinas, em Socompa.

Confira o site da empresa que opera o serviço

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios