Ciclista

Concorrência para sistema de bikes públicas em SP é barrada pelo TCM

A prefeitura de São Paulo cancelou o chamamento público para a renovação e expansão do sistema de empréstimos de bicicletas na cidade. A determinação foi do Tribunal de Contas do Município.

O TCM se baseia em representação da empresa SSB Produções e Eventos, que pedia a impugnação do edital. No ano passado Simões também havia suspendido por duas vezes a licitação para a construção de 150 km de corredores de ônibus.

Segundo a arquiteta Suzana Nogueira, uma das responsáveis pelo planejamento do sistema cicloviário da capital paulista, o Tribunal questionou os pontos do edital que exigiam das empresas concorrentes a comprovação de experiência na gestão do sistema de bikes públicas e de efetiva capacidade de expandir a rede, conforme os planos da prefeitura.

“Eles consideraram exageradas as exigências, mas nós precisamos que o futuro operador do sistema tenha – de fato – condições de operar as estações, manter a comunicação do sistema, realizar a manutenção das bicicletas e ainda instalar e operar as novas estações com a qualidade desejada pelos usuários”, disse Suzana.

A prefeitura promete lançar um novo edital nas próximas semanas.

Com as informações de Mobilize Brasil

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios