VLT

Operação Inicial do VLT pode contemplar apenas São Vicente

De acordo com o gerente de Projeto e Implantação de Sistema da EMTU, Carlos Romão Martins, há uma possibilidade da operação inicial do VLT da Baixada Santista abranger apenas São Vicente. Com 85% das obras concluídas, o trajeto vicentino está muito mais avançado que o trecho santista.

A expectativa de avançar os trabalhos em Santos pode ser resolvida em conversas nesta semana. EMTU e Prefeitura precisam se entender quanto à interdição de vias importantes para a execução das obras do VLT – principalmente os trechos que cruzam os canais.

O descarregamento do primeiro trem do VLT foi concluído nesta terça, 27, estação da Linha Amarela, em São Vicente, próxima ao cruzamento com a Rua Amador Bueno da Ribeira.

“Nos canais 1, 2 e 3, nas vias permanentes, nós não conseguimos fazer praticamente nada ainda. Estamos discutindo a menor interferência no tráfego. A Prefeitura sinaliza a intenção de fazer um trecho de cada vez. Mas nós entendemos que precisamos fazer a obra avançar com uma logística adequada. Ou seja, ela precisa vir num ritmo e em sequência”, afirma Romão, citando que serão feitas nove pontes nesses locais.

O desejo da EMTU é que todo o trajeto opere de uma só vez. Se isso acontecer, a entrega da obra pode ficar para 2015.

image

Sobre o autor do post

Caio Lobo

Paulistano e Corinthiano, formado em Marketing porém dedicou sua experiência profissional, pós-graduação e MBA na área de Finanças. Temas relacionados à mobilidade urbana o fascinam, principalmente quando se fala de metrô.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios