Foto: Renato Lobo | Via Trolebus
Metrô SP

Metroviários falam em “forte greve” no Metrô de São Paulo no dia 18

O sindicato dos metroviários de São Paulo realizou novas assembleias nesta semana e afirma que o Metrô “novamente ignorou as reivindicações da categoria”. Há um clima de realização de paralisação, ao contrário dos outros comunicados, e a nota diz que “o momento é de insistir na negociação e ao mesmo tempo preparar uma forte greve”. A greve pode ocorrer no dia 18 de maio, e afetar as linhas 1-Azul, 2-Verde, 3-Vermelha e monotrilho da Linha 15-Prata.

O grupo discute sobre Steps/Isonomia, e afirma que a empresa diz que o tema não faz parte da Campanha Salarial. O representante da operadora, segundo sindicato, afirmou que os Steps só serão pagos em 2023, se tiver autorização do Codec para isso.

O Metrô confirmou que o índice de reajuste que pretende pagar é de 12,26%. Sindicato e Comissão de Negociação reafirmaram que a reivindicação é de 20%.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios