Especial de férias Monotrilho

O que falta para o monotrilho da Linha 15 chegar na Cidade Tiradentes?

O Governo Estadual anunciou recentemente a expansão da Linha 15-Prata da estação Jardim Colonial até a futura estação Jacu-Pêssego.

No começo da década passada, quando anunciado, o projeto original do monotrilho previa a ligação entre a Vila Prudente e o Hospital Cidade Tiradentes. Faltam, no entanto, etapas a serem vencidas para que o meio de transporte de alta capacidade chegue até o distante bairro da Zona Leste de São Paulo. São basicamente três pontos:

Desapropriação

É necessária a duplicação de um trecho da Avenida Ragueb Chohfi, a cargo da prefeitura de São Paulo, o que pode viabilizar a instalação dos pilares que sustentam as vigas-guia, que por sua vez apoiam o monotrilho. Não há prazo para execução destes trabalhos.

Mais trens

O Metrô de São Paulo está em processo de aditivar um contrato com a Alstom para a aquisição de 19 trens do monotrilho, que devem se somar a frota de 27 unidades já em operação. O projeto original até a Cidade Tiradentes prevê 54 composições, portanto faltam ainda 8 trens a serem comprados.

Recursos

O mais importante: recursos para viabilizar a extensão. Há outra extensão, mais adiantada, que é chegada do monotrilho até o Ipiranga.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios