Metrô SP

Espanhola que vai assumir Linha 6-Laranja do Metrô pode rever condições, diz jornal

Publicação de “Coluna do Estadão“, do jornal O Estado de São Paulo da conta de que executivos da Acciona, a empresa espanhola que assumiu o compromisso de retomar as construções da Linha 6-Laranja do Metrô de São Paulo, estão alegando questões econômicas decorrentes da pandemia do novo coronavírus para tentar rever as condições já acertadas.

De acordo com o texto, a empresa estaria tentando abrir uma porta jurídica para, no limite, servir como saída do negócio.

Secretário se reuniu com espanhóis

O secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, durante vídeo conferência com sites de transportes, na qual o Via Trolebus esteve presente virtualmente, revelou que nesta última quinta ocorreu uma reunião com videoconferência com o comando da Acciona e disse também que há dificuldades na negociação por conta do novo cenário de pandemia, que dificulta a ida e vinda entre a Acciona e o Consórcio Move São Paulo.

Baldy, no entanto, diz que espera a deliberação da transação entre o antigo construtor e a nova empresa até o dia 24 de Maio.

“Avaliações por parte do Procuradoria Geral do Estado estão bem avançadas para que nós tenhamos até o dia 24 de Maio, esta anuência por parte do governo do estado, de acordo com esses pareceres da procuradoria, serem deliberados. Esperamos a partir do dia 24 ter esse novo consórcio, este novo concessionário, para que obras possam ser retomadas” – disse o secretário.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios