Supervia

SuperVia retira 40 trens chineses de circulação por problema em engrenagem

A SuperVia informou no começo de noite deste domingo, 17 de novembro, que vai suspender a operação de 40 trens chineses da série 3000 a partir desta segunda-feira, 18, atendendo à recomendação da fabricante CRRC.

De acordo com a operadora, a operação deverá ter maiores intervalos, como nos ramais Santa Cruz e Japeri, aumento dos intervalos no trecho entre Gramacho e Saracuruna, e algumas viagens do ramal Deodoro serão realizadas em trens de quatro carros.

Segundo ainda a empresa, em setembro de 2016, foram detectados problemas de projetos, em especial na caixa de tração (engrenagem que transmite energia do motor para eixo e rodas) e os responsáveis comunicados. Com isso, a fabricante iniciou o processo de análise técnica, identificando a necessidade de substituição do tipo de peça.

Desde novembro do ano passado, então, um recall foi feito pela fabricante até que em junho de 2019, em vistorias, novas falhas foram identificadas e a CRRC, então, suspendeu o retrabalho malsucedido até que encontre uma nova medida para solução.

Por estar ainda em período de garantia, a manutenção das referidas caixas de tração é responsabilidade do Consórcio CRRC, de acordo com contrato firmado entre os chineses e o Estado.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

1 comentário

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  • Ultimamente o transito da Av. Brasil anda insuportável devido as obras do BRT Transbrasil que não tem fim e a maioria dos trabalhadores recorrem a Supervia para fugir do mega engarrafamento que anda super lotado além da sua capacidade, agora com a retirada dos trens CRRC, vai piorar mais ainda com intervalos longos.

Publicidade

Anúncios