Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre
VLT

Governo Federal deve decidir sobre retomada do VLT de Cuiabá em novembro

As obras do Veículo Leve Sobre Trilhos – VLT de Cuiabá, paradas desde 2014, já contam um orçamento para sua retomada: R$ 790 milhões. O valor foi definido pela Comissão de Mobilidade Urbana do Ministério do Desenvolvimento Regional, que recebeu representantes dos municípios de Cuiabá e Várzea Grande.

Membros do governo federal, do estado do Mato Grosso e das cidades de Cuiabá e Várzea Grande estão debruçados sobre o projeto, buscando alternativas.

O valor ainda pode ser reduzido se as construções foram tocadas por meio de uma Parceira Público Privada – PPP, além de resquícios de um empréstimo realizado em 2012 no valor de R$ 1.425 bilhão, onde sobraram cerca de R$ 300 milhões.

O governo federal estima que ainda em 2019, uma decisão sobre a obra seja tomada. Até o dia 12 de novembro será apresentando um relatório com alternativas técnicas e proposta de gestão financeira.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios

Cadastre-se em nossa newsletter!