Ônibus

Frota de ônibus elétricos cresceu 32% em todo o mundo em 2018

A frota de ônibus elétrico no mundo cresceu 32% somente em 2018, segundo relatório da BloombergNEF divulgado na quarta-feira, 15 de maio. A China lidera com larga escala, sendo que dos quase 425.000 e-buses em todo o planeta, cerca de 421.000 estavam na país.

Em 2009, a China começou a priorizar a eletrificação de seu sistema de transporte público, como parte de sua estratégia para lidar com a urbanização generalizada e, ao mesmo tempo, reduzir as importações de combustíveis fósseis. 

Isso desencadeou uma série de políticas, regulamentos e subsídios abrangentes que deram origem a uma nova indústria. Uma década depois, os resultados são tangíveis: a China é de longe o maior mercado mundial de veículos elétricos de todos os tipos, e Shenzhen é líder global em e-buses, seguida por Pequim, Xangai e Hangzhou.

Em termos comparativos, os estados unidos contam com 300 unidades deste tipo de veículo. Já a Europa conta com 2.250 ônibus elétricos.

A frota de e-buses municipal da China deve aumentar ainda mais: em 2025 serão 600.000 veículos elétrico, enquanto os EUA terá cerca de 5.000 . “Não há política industrial nos EUA para os ônibus eletrônicos”, disse Nick Albanese, analista da BNEF em Nova York. “Então, a menos que os EUA consigam se tornar um grande exportador de e-buses, a China continuará se destacando.”

 

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

comentários

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Cadastre-se em nossa newsletter!