PPP do monotrilho de Salvador será assinada nesta quarta-feira (13)

O governador Rui Costa (PT) deve assinar nesta quarta-feira, 13 de fevereiro, o contrato de construção e operação para o sistema de monotrilho em Salvador.

O meio de transporte ligará a região do Comércio de Salvador até a Ilha de São João, no município de Simões Filho. O trajeto terá 20 quilômetros de extensão, com 22 estações, e substituirá o atual Trem do Subúrbio. São esperados 200 mil usuários por dia.

As obras serão tocadas pelo Consórcio Skyrail Bahia, composto pelas empresas Build Your Dreams – BYD Brasil e Metrogreen.

A administração estadual ainda estuda a criação de um novo trecho que pode atender ou pela San Martin, no sentido acesso norte, ou pela Via Expressa.

Outro anúncio feito é a extensão do metrô da capital em mais cinco quilômetros e com duas novas estações, uma na região da Brasilgás e outra em Cajazeiras.


Autor: Renato Lobo

Ler todos os posts

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

5 Comentários deste post

  1. Não me surpreenderia se ficar pronto antes das linhas daqui de São Paulo.

    Lucaa / Responder
    • Calma, eles vão assinar o contrato, depois ainda vão arrancar uma linha de trens urbanos operacional para então começarem construír.
      Já estão bolando a 3ª, a 4ª e a 5ª fase sem nem iniciar a primeira. Sabe como são as coisas no Brasil? Vamos ver até lá se esse monotrilho vai sair igual o da China, ou talvez igual o da linha 15 de SP, ou fique igual a linha 17 de SP… Quem sabe não fazem igualzinho ao monotrilho de Poços de Caldas….
      Abraços

      Rafael de Souza / (em resposta a Lucaa) Responder
  2. Enquanto isso o monotrilho de SP não pára de apresentar problemas.

    Carlos A. / Responder
  3. Mas o trem do subúrbio não ia ser substituído por um VLT?

    Alexandre Machado / Responder
    • É isso que questionei. Nunca tinha ouvido sobre esse monotrilho aqui em Salvador, pensei que o Trem do Subúrbio seria transformado em VLT;
      Não sei como vai ser o projeto do Monotrilho, mas parece que será mais extenso que o VLT e vai ligar a região metropolitana, o que me deixa feliz, já que é uma região carente e muito de transporte público.
      Mas creio que o VLT seria mais barato. Espero que não seja uma novela.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.