Metrô

Chineses apresentam trem feito de Fibra de Carbono

Aviões em fibra de carbono já são realidade na aviação comercial, com os modelos em operação Boeing 787 ou o Airbus 350. Mas, a tecnologia chegou ao setor ferroviário.

A fabricante chinesa de trens CRRC Corporation Limited apresentou durante a feira Innotrans 2018, em Berlim, que reúne empresas do setor ferroviário de todo mundo, um novo modelo de trem fabricado com fibra de carbono.

Segundo a empresa, o trem abrirá o caminho para a terceira geração de composições chinesas de metrô, com uma perspectiva de abertura de cerca de 8.900 km de novas linhas até 2020, além dos 5.000 km em 35 cidades em operação até o final de 2017.

Com o nome de “CETROVO”, o projeto integra novos materiais e tecnologias avançados que oferecem eficiência energética, proteção ambiental, conforto e inteligência em comparação aos metrôs tradicionais. Usando a tecnologia de fibra de carbono, o novo metrô é 13% mais leve, tornando-o mais eficiente em termos de energia.

Segundo Ding Sansan, um cientista do CRRC e engenheiro-chefe adjunto do CRRC Sifang, o novo tipo de trem deve ter vida útil maior. “Embora o custo de fabricação do material compósito de fibra de carbono seja superior ao material metálico tradicional, o primeiro é muito mais leve e tem uma força óbvia em economia de energia e também possui excelentes desempenhos em resistência à fadiga, tolerância a diferentes condições climáticas e resistência à corrosão, que podem efetivamente garantir o veículo tenha maior vida útil, assim, o trabalho de manutenção é reduzido e todo o custo do ciclo de vida é reduzido”, afirma.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Publicidade

Anúncios