VLT

Tribunal de Contas suspende segunda fase do VLT da baixada Santista

O edital de licitação da fase II do Veículo Leve Sobre Trilhos – VLT da Baixada Santista foi suspenso por determinação do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo, após uma Representação apresentada pelas empresas Telar Engenharia e Comércio e a Spavias Engenharia.

A entrega das propostas estava prevista para o próximo dia 28 de agosto. Já a Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos – EMTU, disse em um comunicado que apresentará todos os esclarecimentos.

Este novo trecho com 8 km de extensão e 14 novas estações prevê a ligação entre a Avenida Conselheiro Nébias e a região do Valongo, e o volume de usuários deve saltar dos atuais 23 mil para 70 mil passageiros por dia. A EMTU planejava iniciar as obras ainda neste ano.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Publicidade

Assuntos

Anúncios

Cadastre-se em nossa newsletter!