VLT

Justiça mantém suspenso acordo do VLT de Cuiabá

A Justiça do Mato Grosso decidiu manter suspenso, por 30 dias, o acordo firmado entre o Governo do Estado e o Consórcio VLT nesta terça, 4. A decisão foi pedida por ambas as partes mesmo.

 

O pedido foi formulado para que o novo acordo entre as partes seja analisado pelo Ministério Público Estadual e Ministério Público Federal. Na segunda-feira (3), o governo anunciou o novo acordo para a retomada da obra já no próximo mês (relembre aqui).

Sobre o autor do post

Caio Lobo

Paulistano e Corinthiano, formado em Marketing porém dedicou sua experiência profissional, pós-graduação e MBA na área de Finanças. Temas relacionados à mobilidade urbana o fascinam, principalmente quando se fala de metrô.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Cadastre-se em nossa newsletter!

Cadastre-se em nossa newsletter!