Greve

Greve na CPTM: Desembargador determina contingente mínimo

Com uma eventual paralisação nas seis linhas da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos – CPTM, marcada para esta terça-feira, 24 de Maio de 2016, o desembargador Wilson Fernandes determinou a circulação de 80% do efetivo de maquinistas.

Já em relação aos demais funcionários, a escala deverá ser de 60% nos horários de pico (entre 4h e 10h e entre 16h e 21h) e de 50% nos demais horários. Em caso de descumprimento, há previsão de pagamento de multa diária no importe de R$ 100 mil.

Conforme informou o perfil @Linha11Coral no twitter, a CPTM retirou da mesa a proposta feita no encontro anterior, de 10,44% em reajuste aos trabalhadores. A nova oferta é de 7,5% sobre salários e benefícios.

Às 18 horas, os ferroviários devem se reunir em assembleia para discutir sobre uma eventual greve no sistema ferroviário paulista.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios