CBTU

Governo de Minas quer assumir a gestão da CBTU

O Governo do Estado de Minas Gerais pleiteia assumir a administração do Metrô de Belo Horizonte, atualmente a cargo da Central Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), gerida pelo Ministério das Cidades.

A proposta da administração estadual é que a Metrominas, empresa pública criada para a expansão do metrô, assuma os ativos da CBTU em troca da garantia de que o governo federal irá repassar os R$ 7 bilhões prometidos para a criação das linhas 2 e 3 do sistema.

A proposta foi apresentada pelo secretário de Estado de Obras Públicas (Setop), Murilo Valadares, a representantes do Ministério do Planejamento, em Brasília, que analisa a solicitação.

Expansão

De acordo com a Setop, os projetos básicos para modernização e expansão da linha 1, implantação das linhas 2 (Barreiro/Nova Suíça) e 3 (Lagoinha/Savassi) já estão concluídos. Nesse momento estão sendo feito os estudos para a linha 4, que até então não havia entrado em negociação que prevê a ligação da Estação Eldorado, com Betim, na região metropolitana.

Com as informações de O Tempo

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios