Mobilidade Urbana

Balanço da operação no Metrô e na CPTM na abertura da Copa do mundo

Bp8Q03qIAAAAJ2n
Nesta quinta-feira com a abertura da copa do mundo no estádio de Itaquera, as linhas 11-Coral da CPTM, e 3-vermelha do Metrô foram efetivamente usadas como transporte dos torcedores que se dirigiram a Arena Corinthians.

O transporte sobre trilhos era a melhor opção para chegar ao local, já que os acessos ao estádio estavam bloqueados, as linhas de ônibus estavam com o itinerário desviado, e não havia estacionamentos para o público comum.

Operação no Metrô

Horas antes da abertura do mundial estive na linha 3-vermelha do Metrô, que operava com baixos intervalos e pelo menos por volta do meio dia não registrava lotação semelhante ao horário de pico habitual, no ramal que em dias úteis transporta 1,5 milhões de pessoas por dia.

Devido a protestos, 3 estações chegaram a ser fechadas, e os trens não respeitaram as paradas; Belém, Tatuapé e Carrão.

Bp8Bz97IEAE1lqV

No interior dos trens, era claro a presença de muitos estrangeiros que olhavam atentos pelas janelas da composição. O Metrô acertou nos anúncios feitos em Inglês, porem faltou algo mais explicativo quando a composição chegou nas estações Artur Alvim e Corinthians-Itaquera. Alguns destes gringos ficaram sem saber o que fazer quando a composição chegou nestas paradas.

Bp8QdU5IAAE6Kes

Era grande também o número de policias em todas as estações. No Belém, por onde embarquei, um soldado do exercito segurava uma metralhadora na plataforma.

Uma falha pontual foi registrada na estação Artur Alvim por volta do meio dia, e sanada rapidamente. Mais tarde por volta das 15h, a linha 3-Vermelha foi paralisada depois de um manifestante jogar um extintor na linha. Apesar do ocorrido, o problema operacional foi resolvido pouco tempo depois e os trens voltaram a circular normalmente. Na plataforma da estação Tatuapé, houve confronto entre manifestantes e a Tropa do Choque.

Bp93dBnIgAAF2lB

Bp8KnAzIIAA7X9U

Operação no Expresso da Copa

A CPTM foi mais assertiva que o Metrô nos anúncios dos trens. As composições do Expresso da Copa anunciavam a próxima estação, e o acesso ao estádio inclusive em Inglês, diferentemente do Metrô.

A companhia de trens disponibilizou o serviço expresso com trens entre a Luz e Itaquera com trajeto feitos em aproximadamente 19 minutos sem paradas intermediárias.

Não foram registradas ocorrências significativas.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios