SPTrans

CPI dos transportes aprovada. Câmara decide nesta quinta quais temas irá investigar

25jun2013---manifestantes-protestam-em-frente-ao-predio-da-camara-dos-vereadores-de-sao-paulo-na-tarde-desta-terca-feira-25-pedindo-a-abertura-da-cpi-dos-transportes-publicos-Foi aprovado o pedido de criação da CPI dos transportes em São Paulo na tarde desta quarta-feira (27) por cinquenta vereadores, enquanto 150 pessoas realizaram um protesto em frente à Câmara para pressionar pela criação da comissão.

A CPI irá investigar se a administração municipal tem cumprido sua incumbência e qual a relação entre as empresas e a SPTrans e a Secretaria de Transportes, e também se as cláusulas dos atuais contratos estão sendo cumpridas. Será esclarecido ainda as planilhas de custos e lucros das empresas e do sistema de ônibus municipal de São Paulo.

Esta previsto para esta quinta-feira, dia 27 de junho, a votação do que a CPI vai investigar.

As propostas:

Ricardo Young (PPS)

Apurar as questões relativas ao Sistema de Transporte Público do Município de São Paulo, devendo fazer parte da apuração os seguintes pontos: 1) princípios norteadores dos contratos com as concessionárias e permissionárias; 2) gestão e destinação dos recursos oriundos das tarifas; 3) gestão e destinação dos subsídios; 4) qualidade na prestação do serviço do transporte público incluindo os terminais de ônibus e pontos de parada.

Paulo Frange (PTB)

Constituir comissão parlamentar de inquérito para apurar denúncias de irregularidades no transporte coletivo por ônibus urbano; para avaliação de planilhas de custo; e necessidade de subsídios repassados pela Prefeitura Municipal de São Paulo.

Paulo Fiorilo (PT)

Analisar e avaliar as planilhas de custo do transporte coletivo por ônibus particular urbano no município de São Paulo.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios