CPTM Metrô SP

Comissão aprova projeto para criar vagões exclusivos para as mulheres em SP

Vagão para mulheresOs trens e Metrô de São Paulo podem ter carros (vagões) exclusivos para as mulheres. Segundo proposta do deputado Geraldo Vinholi (PDT), que foi aprovada pela comissão dos transportes da Assembleia Legislativa, a ideia é coibir eventuais abusos sexuais. O projeto visa separar alguns vagões do Metrô, da CPTM e até espaços em ônibus.

Caso seja aprovada, a lei deverá passar por sanção do governador Geraldo Alckmin. Se virar lei, os espaços serão sinalizados.

São Paulo já teve vagões para mulheres

Em 1995, a CPTM implantou, durante três meses, na Linha 10, um projeto piloto denominado Carros Preferenciais para Mulheres, Idosos, Crianças e Deficientes Físicos.

Mas, segundo a própria companhia, os usuários, inclusive mulheres, não aderiram à iniciativa, entendendo que se tratava de um retrocesso e que a mesma era discriminatória. Ainda naquela oportunidade, casais de namorados, maridos e esposas, mães e filhos viajando juntos, não aceitaram circular separadamente.

Lembramos que a própria Constituição Federal, em seu artigo 5º, estabelece a igualdade de direitos entre homens e mulheres. Assim, a CPTM alerta que a conscientização dos usuários, uma vez que os cidadãos precisam se respeitar mutuamente, independentemente de cor, sexo e raça.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios