Foto: Renato Lobo
CPTM

CPTM estuda atendimento ao distrito de Paralheiros

A CPTM está contratando empresa especializada para estudos visando analisar a possibilidade de atendimento aos moradores da região de Parelheiros, extremo sul da capital paulista. De acordo com a companhia, trata-se de uma análise das características operacionais, demanda, entre outros fatores envolvidos. O prazo de conclusão do estudo é de seis meses.

O tal contrato que apareceu há pouco tempo é algo sobre analisar os deslocamentos na região da extensão da Linha 9-Esmeralda até Varginha após sua implantação. Com este estudo saberão como o transporte local será adequado. Pode-se determinar por exemplo a necessidade de implantação de um veículo de porte intermediário para atender a ligação Varginha – Parelheiros através deste estudo. É no estudo que irão definir estas possibilidades.

O bairro é considerado um distrito rural. É o segundo maior distrito da cidade em extensão territorial, embora seja muito pouco povoado. Tem a maior parte da área coberta por reservas ambientais de mata atlântica – nele, se localiza a Área de Proteção Ambiental Capivari-monos. Em Parelheiros, também se localiza uma aldeia indígena guarani, a Krukutu. A região recepcionou a primeira imigração alemã no estado, no início do século XIX. Os seus poucos habitantes têm o poder aquisitivo mais baixo da cidade. Distancia-se de quinze a 25 quilômetros de Itanhaém e de São Vicente, no litoral e de cinquenta a sessenta quilômetros do Centro da cidade.

Ccolaborou: Gabriel Garcia

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios

Cadastre-se em nossa newsletter!