Trens Regionais

Trens regionais saem com ou sem PPP, diz governo

Trem entre SP e SantosMesmo afastando qualquer possibilidade de fracasso para constituir uma PPP para os trens regionais paulista, o governo do Estado admite ter um plano B para o projeto, que significa o custeamento integral dos trens intercidades pelo estado.

Segundo o jornal “O Estado de São Paulo” o secretário estadual de Planejamento e Desenvolvimento Regional, Júlio Semeghini, disse que a previsão é que o contrato da PPP seja assinado no ano que vem, mas, caso haja algum atraso, o governador dará um jeito: “Se demorar muito para ter a PPP o governador quer que tenha o Jundiaí e o ABC-Santos, de qualquer jeito, quer fazer com o dinheiro dele”, disse Semeghini. “Mas tenho certeza de que vai sair a PPP.”

Entre os ramais, um deles é considerado prioritário pelo governo. Trata-se da linha que sai de Americana, passa por Campinas, vai até Jundiaí e chega à capital, de onde segue pelo ABC até Santos. Já o segundo, mas não menos importante sai de Sorocaba, passa pela capital e vai até São José dos Campos, de onde poderá seguir até a cidade de Campos do Jordão.

O ponto de encontro dos trens regionais será a Estação Água Branca da linha 7 da CPTM, que deve ser reformada, ganhar integrações com a Linha 8 da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos e futuramente com a Linha 6 – Laranja do Metrô. A quem diga que até o TAV (Trem bala) passará pelo local.

Tempo de percurso

A viagem entre São Paulo e Jundiaí será de 25 minutos. Já o trecho do ABC Paulista até Santos deve durar 30 minutos e a passagem cobrada será de R$ 11, estima-se. As estações ficarão em Mauá, São Caetano e Santo André, no ABC, e no Valongo, em Santos.

Por Renato Lobo | Imagem de Wesley Souza

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios