Foto: Renato Lobo | Via Trolebus
CPTM

Presidente da CPTM diz que não há prazo para aposentadoria dos trens da série 3000

Na semana passada, o presidente da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos – CPTM, Pedro Moro, em uma resposta na rede social, disse que há estudos para que as composições da série 3000 não façam mais parte da frota da operadora.

Já nesta terça-feira, 17 de novembro de 2020, durante a entrega do terceiro trem da série 2500, Moro afirmou que não há prazo para extinção do modelo.

O que eu falei lá é que estamos em constantes modernização da frota. Os trens da série 3000 apesar de serem recentes, alguns requisitos técnicos não são tão modernos quanto as outras frotas. Então a gente está sempre em constante atualização, e conforme a gente vai modernizando a frota, a gente vai retirando a frota antiga. O 3000 uma hora será retirado de circulação. Não tem prazo e não há nada definido, disse o presidente da CPTM.

Foto: Renato Lobo | Via Trolebus

Atualmente as cinco composições fazem parte da Linha 10-Turquesa [Brás – Rio Grande da Serra]. Mas, geralmente dois deles são vistos prestando serviço.

Os 3000’s foram adquiridos em 2001. A operadora realizou a licitação internacional em 1994, financiada pelo BID, prevendo a aquisição de uma frota de 10 trens unidade elétricos de 4 carros. O contrato foi vencido pelas empresas Siemens AG/Simmering-Graz-Pauker (SGP) e Mitsui.

Por questões econômicas de governo paulista, o contrato foi congelado. Após os Tumultos na CPTM em 1996, o governo paulista retomou o projeto de remodelação dos subúrbios e contratou as obras faltantes na Linha 9, incluindo os trens. Assim, o contrato assinado em 1994 só foi efetivado em 4 de julho de 1997, por US$ 70 milhões, prevendo-se a entrega dos trens em 36 meses.

Os trens unidade foram construídos na Alemanha (com peças importadas do Japão) e montados na fábrica da Siemens de Maribor, Eslovênia, sendo a primeira unidade entregue em 10 de novembro de 2000.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios