Aviação

Com atrasos no Boeing 777X, Airbus pode acelerar A350-1000ULR, de longo alcance

A Airbus pode estar considerando uma versão de longo alcance de seu modelo A350-1000, com a nomenclatura Ultra Long Range (ULR), para competir diretamente com o programa 777X, que está atrasado da Boeing. Nesta semana, a fabricante norte-americana anunciou que adiou o programa de seu modelo de longa distância.

O A350-900ULR poderá voar em cerca de 9.700 milhas náuticas em comparação com o padrão de 8.100 nm. A chave para o sucesso do 1000ULR, no entanto, seria a capacidade da Airbus de aumentar, ou pelo menos manter, o peso máximo de decolagem.

De fato, não apenas a aeronave terá que carregar combustível adicional para realizar suas operações de ultra-longa distância, mas terá que fazê-lo enquanto transporta uma quantidade economicamente viável de passageiros e sua bagagem.

Não existem muitos detalhes sobre o programa 1000ULR, mas existem especulações de que a aeronave seja capaz de acomodar de 350 a 410 passageiros, quantidade aproximada da transportada pelo modelo A380 de algumas companhias, como a British Airways, por exemplo, que conta com superjumbos que podem acomodar 469 passageiros.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios

Cadastre-se em nossa newsletter!