Mobilidade Urbana

Exposição mostra trabalhadores na transformação no bairro do Brás, nos anos 70

A cidade de São Paulo surge com tanta frequência na produção do fotógrafo Cristiano Mascaro que ele parece um paulistano da gema. Mas não é.

Nascido em Catanduva, no interior do estado, Mascaro recorre a cenas da capital na mostra em cartaz na Casa da Imagem, que reúne 46 obras, algumas inéditas. “Selecionamos fotos menos conhecidas, como os retratos que ele fez no bairro do Brás nos anos 70”, diz o curador Henrique Silveira.

Neles, é curioso ver a moda e os costumes da época através das poses de halterofilistas, porteiros, cozinheiros e outros trabalhadores da região. Você vai se divertir ao notar que essa estética, desatualizada à primeira vista, ainda está presente nas figuras que circulam por ali. Mascaro registrou o bairro quando suas ruas passavam por transformações devido à construção do metrô e a reformas viárias.

354017-600x600-1

O título da exposição, Turista Hotel, vem de uma fotografia que sintetiza essa mudança: um hotel sumindo da paisagem atrás de um novo viaduto. O tom melancólico aparece em outras imagens, como uma fachada decadente na Rua do Gasômetro, e ganha força pela opção de clicar em preto e branco e em momentos de pouca luz.

No 2º andar, as paisagens saem de cena e dão lugar a detalhes de projetos de Oscar Niemeyer, como o Auditório Ibirapuera. Terça a domingo, das 9h às 17h. Grátis.

Até 16 de abril. A Casa da Imagem fica na Rua Roberto Simonsen, 136-B, próxima à Estação Sé. O telefone é 3106-5122.

Fonte: Metrô

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios