CPTM Metrô SP Monotrilho

Governo do Estado apostas suas fichas no transporte público de alta capacidade

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin apostas as fichas no transporte coletivo de alta capacidade. O plano de investimentos do governo de São Paulo para os próximo quatro anos e meio (até o final de 2015) prevê que 38% de todos os gastos da administração estadual sejam destinados para a área de Transportes (que, pela primeira vez, terá mais recursos do que a Segurança), preferencialmente para elevar de 70 para 100 quilômetros o tamanho da malha do Metrô na maior cidade do Brasil. 


“Dizem que governar é escolher. Então escolhemos o transporte coletivo de alta capacidade e qualidade”, afirmou o tucano sobre o chamado Plano Plurianual (PPA). Segundo o governador, o PPA prevê investimentos de R$ 118 bilhões em todas as áreas do governo. A Secretaria de Transportes responderá por R$ 45 bilhões dos investimentos, sendo que R$ 30 bilhões irão para obras no metrô e trem.


“Desde 1974, foram construídos 2 km de metrô por ano. Vamos passar para 8 km por ano, com possibilidade de aumentar para 12 km por ano depois”, disse o tucano, que planeja expandir o tamanho do metrô em 30 quilômetros até 2015 e deixar outros 95 km “em canteiro de obras”. Outra Meta do governo é transformar a CPTM em qualidade de Metrô.


O Governador lembra que investir em transporte público e melhorar a qualidade de vida para aqueles que utilizam o sistema.




Renato Lobo é Técnico em Transporte Sobre Pneus e Transito Urbano.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Assuntos

Anúncios