Foto: Renato Lobo | Via Trolebus
VLT

Consórcios são habilitados para fiscalizar trecho 2 do VLT em Santos

Dois consórcios foram habilitados para gerenciar as obras do trecho do segundo trecho do Veículo Leve Sobre Trilhos – VLT em Santos, a cargo da Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos – EMTU.

A gerenciadora do transporte metropolitano publicou nesta terça-feira, 18 de maio de 2021, a classificação do supervisionamento nas construções entre os trechos Barreiros e Porto.

Os consórcios classificados são: Concosrico VLT Trecho 2, formado pelas empresas Bureau Veritas do Brasil Sociedade Classificadora e Certificadora Ltda., Future ATP Serv. de Eng. Consultiva Ltda. e LBR Eng. e Consultoria Ltda. E o Consórcio Pólux-Falcão Bauer-MMP, formado pela Pólux Eng. Ltda., L.A. Falcão Bauer Centro Tec. de Controle da Quali// Ltda. e MMP – Consultoria e Gerenciamento de Empreend. Imobiliários Eireli.

Governo promete trecho para 2022

O Secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, em uma reposta nas redes sociais, disse a entrega do segundo trecho do Veículo Leve Sobre Trilhos – VLT na Baixada Santista, será em dezembro de 2022. A ordem de serviço das construções foi emitida em setembro de 2020.

“Vamos acelerar a obra do VLT em seu segundo trecho. Nosso objetivo é entregar em dezembro de 2022. Vamos focar para chegar a este resultado”, disse o titular da pasta.

O novo eixo de transporte deve ligar a avenida Conselheiro Nébias ao bairro do Valongo, em Santos, no litoral Sul do estado.

Foto: Renato Lobo | Via Trolebus

Terá oito quilômetros e 14 novas estações. Serão acrescentados mais sete trens que devem transportar uma média diária de 35 mil passageiros.

Quem está tocando a obra é a construtora Queiroz Galvão com prazo de 30 meses para conclusão. O projeto inclui a construção de edificações, via permanente, quatro subestações, sistema de rede aérea, sinalização viária, urbanização e duas pontes sobre o canal 1.

Quando completo com a terceira fase, o VLT da Baixada passará a ter 27 quilômetros de extensão, considerando o trecho de 11,5 quilômetros já em operação entre São Vicente (Barreiros) e o Porto de Santos.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios