Ônibus

Alstom pode interromper a produção do ônibus elétrico Aptis

A produção do ônibus elétrico Alstom Aptis poder ser interrompida até o final de 2021, de acordo com diversos meios de comunicação franceses, entre eles o jornal Le Figaro.. As publicações falam em falta de encomendas.

A fabricante de trens estaria a espera de um comprador e anunciou a criação de um plano de proteção ao emprego (PSE) para limitar o impacto social da decisão.

O Aptis, o primeiro ônibus da Alstom, foi lançado em 2018. Até o final de 2020, 37 unidades foram entregues. Ainda de acordo com a mídia francesa, mais 62 e-buses serão fabricados em 2021. 50 serão entregues à RATP – Régie Autonome des Transports Parisiens, já que a fabricante foi uma das três vencedoras na licitação de Paris para até 800 unidades.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

Comente!

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Publicidade

Anúncios