VLT

Coreia do Sul transforma ferrovia a beira mar desativada em serviço de VLT a bateria

Uma ferrovia desativada a beira mar foi convertida em uma linha de trem leve ligando destinos turísticos em Busan, uma grande cidade portuária da Coreia do Sul, que é conhecida pelas praias, pelas montanhas e pelos templos.

O Haeundae Beach Train usa um trecho de 4,8 km da antiga Linha Donghae Nambu, com seis paradas em Mipo, Túnel Dalmaji, Cheongsapo, Observatório Daritdol, Gudeokpo e Songjeong atendendo a área turística do Parque Haeundae Blueline.

Os veículos leves sobre trilhos – VLT são movidos a bateria e usam uma tecnologia fornecida pela CRRC. Eles têm uma velocidade média baixa de 15 km/h para que os passageiros possam apreciar a vista, e contam com bancos que se movimentam e são dispostos para que todos os passageiros fiquem de frente para o mar.

O bonde foi inaugurado em outubro, com partidas a cada 30 minutos nos dias de semana e a cada 15 minutos nos finais de semana. Há descontos para residentes locais.

Sobre o autor do post

Renato Lobo

Paulistano, profissional de Marketing Digital, técnico em Transportes, Ciclista, apaixonado pelo tema da Mobilidade, é o criador do Portal Via Trolebus.

1 comentário

Clique aqui para postar um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  • Sonho! E imaginar que poderíamos ter a mesma coisa aqui em São Paulo! Que sabe um dia possamos pelo menos ver reativada a linha de Santos > Praia Grande > Mongaguá > Itanhaém > Peruíbe! O VLT já está chegando em Samaritá… o leito já existe.

Publicidade

Anúncios